Saúde Caixa atende antiga reivindicação e vai ampliar rede de credenciamentos em 970 municípios

A fim de atender a uma antiga reivindicação, a Caixa Econômica Federal lançou edital para novos credenciamentos de profissionais, clínicas e hospitais para o plano de saúde dos trabalhadores.

A reivindicação vem sendo feita pelo Conselho de Usuários do Saúde Caixa, pelos empregados e por entidades como a Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa (Fenae).

 Com isso, fica ampliada a possibilidade de credenciamentos em 970 municípios, abrangendo especialidades como clínica médica, cirurgia geral, pediatria, ginecologia e obstetrícia, entre outras (clique aqui para ler o edital com as especialidades e cidades contempladas).

O representante dos empregados, eleito para o Conselho de Usuários do Saúde Caixa, Chico Pugliesi, disse que a notícia é positiva, mas ainda insuficiente.

“É importante ressaltar que essa ampliação de possibilidades de credenciamento é significativa, mas ainda não supre as necessidades que temos de credenciamentos também nas cidades maiores. A gestão do Saúde Caixa precisa ser descentralizada. Os problemas do plano se repetem em todas as regiões, inclusive nas grandes capitais”, ressaltou.

Além do prestador de serviços em saúde, os usuários também podem indicar os hospitais, clínicas e profissionais para fazer parte da rede credenciada do plano (clique aqui para pesquisar seu município e saber como fazer a indicação de profissionais).

Pugliesi destacou outras reivindicações do Conselho, da Comissão de Empregados e de entidades como a Fenae: a descentralização do atendimento do Saúde Caixa, o retorno da Gipes e dos comitês de credenciamento e descredenciamento regionais com a participação da representação dos trabalhadores. A próxima reunião do Conselho de Usuários está marcada para 28 de junho.

No Estado do Rio de Janeiro, as cidades contempladas são Angra Dos Reis, Araruama, Barra Do Pirai, Barra Mansa, Belford Roxo, Bom Jesus do Itabapoana, Cabo Frio, Cachoeiras de Macacu, Cantagalo, Cordeiro, Duque de Caxias, Guapimirim, Iguaba Grande, Itaboraí, Itaguaí, Japeri, Macaé, Magé, Maricá, Mesquita, Miguel Pereira, Miracema, Natividade, Nilópolis, Nova Iguacu, Paracambi, Paraíba do Sul, Paty Do Alferes, Petrópolis, Piraí, Porciúncula, Queimados, Resende, Rio Bonito, Rio Das Ostras, Santo Antonio De Pádua, São Fidélis, São João de Meriti, São Pedro aa Aldeia, Saquarema, Teresópolis, Três Rios, Valença, e Vassouras.

Transtorno do Espectro Autista (TEA) – Também está aberto o credenciamento de profissionais e empresas que atendem pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) para formação da rede credenciada. A necessidade da ampliação da cobertura obrigatória para tratamento de TEA e Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD) já havia sido discutida em reuniões do Conselho de Usuários.

Indicação importante – O presidente da Fenae, Sergio Takemoto, incentiva a participação dos empregados na indicação dos profissionais e estabelecimentos.

“Costumo dizer que o Saúde Caixa é um dos direitos mais valiosos dos empregados, conquistado com muita luta no Acordo Coletivo de 2004. E é fundamental que a gente faça parte da construção de uma rede credenciada que atenda todos os usuários, dos menores municípios até as grandes capitais”, avaliou o presidente.

*Fonte: Fenae

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!
Sede Barra Mansa
Sede Campestre:
Subsede Volta Redonda:

Copyright 2021 - Sindicato dos Bancários do Sul Fluminense

Como podemos ajudar?