Sindicato apresenta resultados da ‘Pesquisa Saúde Mental no Trabalho Bancário’

O Sindicato dos Bancários do Sul Fluminense realizou uma live, na noite desta quarta-feira (19), para apresentar os resultados da pesquisa “Saúde Mental no Trabalho Bancário”.

O trabalho foi realizado em parceria com o Departamento de Psicologia da Universidade Federal Fluminense (Volta Redonda).

Durante o evento, o secretário de Promoção Social e Saúde do Sindicato, Miguel Pereira, explicou que a pesquisa foi respondida por cerca de 800 bancários(as) da região, tanto de bancos públicos quanto privados.

De acordo com a pesquisa, vários bancários estão afastados por doenças psíquicas, como depressão e Síndrome de Burnout.

A presidenta da Federa, Adriana Nalesso, participou do evento e afirmou que esses adoecimentos estão diretamente associados à pressão das cobranças para o atingimento de metas, cada vez mais difíceis de serem atingidas.

Adriana lembrou que esse é um dos motivos da Campanha Nacional estar focada em chamar atenção para o aumento do adoecimento da categoria.

“Nossa Convenção Coletiva Nacional já trata de diversas situações e garante vários direitos quando a doença já está instalada. Nosso objetivo agora é atuar na prevenção”, explicou Adriana.

O presidente do Sindicato dos Bancários do Sul Fluminense ressaltou que o sindicato vai continuar lutando pela categoria.

*Fonte: Federa

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!
Sede Barra Mansa
Sede Campestre:
Subsede Volta Redonda:

Copyright 2021 - Sindicato dos Bancários do Sul Fluminense

Como podemos ajudar?